Atlético x Corinthians: clássico com jeito de decisão

Date:

Operação - 01 

por Nilton Ramos

Às 17h deste domingo, na Arena Independência, no Horto, em Belo Horizonte, o duelo do ano entre Atlético e Corinthians pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Clássico com jeito de decisão.

Nem bem os árbitros dos confrontos de Corinthians 1 x 0 Flamengo e Galo 2 x 1 Ponte Preta apitaram o fim daquelas partidas no domingo passado, os envolvidos, a torcida e a imprensa já miravam o embate que acontece na tarde deste domingo entre líder e vice-líder.

Por mais que o time dirigido pelo técnico Tite tenha uma vantagem de oito pontos sobre o Galo Bicudo (70 contra 62) não há quem não espere uma partida de fortes emoções.

“Um jogo decisivo para as pretensões do Atlético de conquistar o título do Campeonato Brasileiro e que reúne todos os ingredientes de um grande clássico do futebol brasileiro.” É dessa maneira que o técnico Levir Culpi enxerga a partida deste domingo, contra o Corinthians, na Arena Independência.

“É o jogo do campeonato neste momento do campeonato. Sem dúvida, vai ter emoção e tomara que seja assim. Estou interessado em tudo que acontece om o Corinthians e eles da mesma forma. A gente estuda o adversário, mas o principal em um momento como esse é acreditar no que nós podemos fazer”, disse o treinador.

O treinador mineiro Levir Culpi reiterou sua confiança em uma reviravolta nesta reta final do Brasileirão, recordando as grandes viradas do Galo nas recentes conquistas da Libertadores e  Copa do Brasil.

Técnico Levir Culpi recordou das grandes viradas conquistadas pelo Galo e disse estar confiante. Foto: Site Atlético.
Técnico Levir Culpi recordou das grandes viradas conquistadas pelo Galo no Horto,  e disse estar confiante. Foto:  Site Atlético.

“É possível reverter uma situação dessa e, quando é possível, o que a gente tem que fazer é ir buscar. Já passamos situações mais difíceis inclusive e, por isso, ninguém pode duvidar da capacidade deste grupo, os jogadores reagem bem nesses momentos. Tomara que a gente seja capaz, mais uma vez, de escrever mais um momento desse”, disse, confiante o comandante alvinegro.

O atacante Luan espera que Galo e Corinthians façam uma grande partida. Segundo o ‘talismã’, uma vitória daria muita força ao Atlético na luta pelo título do Brasileirão.

“Todo mundo já sabe o jeito que a nossa equipe joga, para frente. O Corinthians tem uma bela equipe, bem montada, compacta. Então, a gente vai precisar daquele algo a mais, errar menos e jogar muito mais. Vai ser um jogo difícil, mas um jogo emocionante e, para nós, é vida ou morte. Vamos ter que focar bem e trabalhar forte para, quando chegar no domingo, colocar tudo que trabalhamos no dia a dia, surpreender o Corinthians e sair com a vitória”, previu o atacante, carinhosamente também apelidado de ‘doidinho’ pela massa atleticana.

Destacando a importância da partida, Luan disse depois do último treino que sua expectativa é de mais um jogo emocionante, especialmente pela presença maciça da torcida.

“A torcida é movida por essa paixão que tem pelo clube e um jogo importante como esse, o torcedor não deixaria de ir ao estádio. Vai ser um jogo de emoções e entrega total. Creio que são as duas melhores equipes do Brasil no momento e, sem dúvida, será o jogo mais importante do ano para o Atlético”, ressaltou.

O atacante alvinegro concluiu a coletiva, ao reiterar que para o Galo conquistar os três pontos, será necessário muito empenho de todos.

“Domingo, será um jogo a parte, onde precisamos muito da vitória. Todos precisam se entregar ao máximo e deixar tudo dentro de campo para que a gente saia com a vitória.”

Luan, o 'talismã' e xodó da torcida prevê jogo competitivo e apoio da maça alvinegra pra vencer o líder. Foto: Site Atlético.
Luan, o ‘talismã’ e xodó da torcida, que recebe o carinho do argentino Dátolo,  prevê jogo competitivo e apoio da maça pra vencer o líder.  Foto:  Site Atlético.

Torcida

Antes mesmo de quinta-feira, todos os 17.340 ingressos, sem contar os sócios Galo na Veia Preto já haviam esgotados com as vendas pela internet.

Portanto, o torcedor que deixou para procurar pelo ingresso na última hora, ou pessoalmente nas bilheterias do Independência foram surpreendidos. Esses terão que torcer e acompanhar o clássico pela TV, ou nas centenas de barzinhos espalhados pela grande Belo Horizonte.

A pressão em favor do time mineiro contra os paulistas já está garantida.

Jemerson fora. Edcarlos na zaga com Leo Silva

O técnico Levir Culpi relacionou 23 jogadores para a partida deste domingo, depois do último treino na manhã deste sábado, na Cidade do Galo.

A novidade no time que começa o jogo será o zagueiro Edcarlos, que ocupará a vaga deixada por Jemerson, que levou o terceiro cartão no jogo contra a Ponte Preta. Assim, o treinador mineiro deverá manter a mesma formação daquela vitória sobre o time campineiro.

Goleiros: Victor, Uilson, Rodolfo;

Laterais: Marcos Rocha, Carlos César, Patric, Douglas Santos;

Zagueiros: Leonardo Silva, Jesiel, Edcarlos, Tiago;

Volantes: Leandro Donizete, Rafael Carioca, Eduardo, Danilo Pires;

Meias: Dátolo, Giovanni Augusto, Cardenas, Dodô;

Atacantes: Luan, Lucas Pratto, Thiago Ribeiro, Carlos.

Tite sem mistérios

Assim como o treinador mineiro, o técnico Tite não esconde o jogo, e deverá manter a mesma formação da última partida do time do Parque São Jorge.

Contudo, não poderá contar com o meia Elias, que também cumpre suspensão pelo terceiro cartão.

Os preparativos da semana no Corinthians foram encerrados na manhã de ontem.

Com ausência de Elias, o substituto deverá ser Rodriguinho, o que já aconteceu contra o Goiás, quando o volante não atuou para ser preservado após jogar pela Seleção Brasileira. O técnico Tite indicou a escalação em entrevista coletiva já na sexta-feira.

Treinador Tite sente ausência de Elias, mas Rodriguinho finaliza de média distância. Foto: Site Corinthians.
Treinador Tite lamenta ausência de Elias, mas Rodriguinho que será o titular finaliza bem de média distância.  Foto:  Site Corinthians.

“Perco infiltração, ganho passe e finalização de média distância. A entrada contra a Ponte é um exemplo”, afirmou Tite, citando a partida em que Rodriguinho entrou e fez o gol de empate por 2 a 2. Inclusive, essa atuação, somada ao trabalho do meia, ajudou na decisão do treinador do Corinthians. “Não escalei o Rodriguinho. Ele que se escalou”, esclareceu.

A novidade do Corinthians para o duelo com o Atlético será o volante Bruno Henrique. O jogador se curou de um edema no tornozelo esquerdo e foi relacionado pelo treinador para o confronto de agora a tarde.

Os jogadores relacionados:

Goleiros: Cássio, Walter, Matheus Vidotto;

Zagueiros: Gil, Felipe, Yago, Edu Dracena, Pedro Henrique;

Laterais: Edilson, Guilherme Arana;

Volantes: Ralf, Rodriguinho, Bruno Henrique, Cristian;

Meias: Renato Augusto, Jadson, Lucca, Danilo;

Atacantes: Vagner Love, Malcom, Ángel Romero, Lincom.

Jadson 100

Prestes a completar 100 jogos com a camisa do Corinthians, o meia Jadson vive um momento especial. Artilheiro do Timão no Campeonato Brasileiro, com 12 gols, o meia também é o goleador alvinegro da temporada 2015: marcou 15 vezes até aqui.

Atacante Jadson é veloz e combina bem com o goleador Vagner Love. Foto: Site Corinthians.
Atacante Jadson é veloz e combina bem com o goleador Vagner Love.  Foto:  Site Corinthians.

Além dos 12 gols no Brasileirão, Jadson balançou a rede duas vezes na Copa Libertadores (2 a 0 no São Paulo e 4 a 0 no Danubio-URU), e uma no Paulistão/2015, pela Série A1 (3 a 0 no Mogi Mirim).

De todos os gols de Jadson em 2015, três foram de falta (Danubio-URU, Internacional e Atlético-PR), quatro de pênalti (Figueirense, Sport, Chapecoense e Santos) e sete com a bola rolando (São Paulo, Mogi Mirim, Joinville, Flamengo, Cruzeiro, Santos e Ponte Preta).

Pelo Corinthians, o meia fez 23 gols em 99 jogos. A principal vítima do camisa 10 é o Sport, com três bolas na rede (duas em 2014 e uma em 2015). Santos e Ponte Preta sofreram dois gols cada, enquanto Chapecoense, Cruzeiro, Flamengo, Figueirense, Inter, Joinville, Danubio (URU), Mogi Mirim, São Paulo, Uberaba, Botafogo, Linense e Oeste sofreram um cada.

Contra-ataque

Como o time paulista lidera com boa folga o Campeonato Brasileiro, a obrigação de partir pra cima pertence ao time da casa, com 8 pontos atrás. Mesmo que perca o clássico, ainda se manterá na liderança da disputa com cinco pontos, mas se empatar dará um importante passo para a conquista do título.

Atacante Vagner Love é o maior goleador do Corinthians no Brasileiro. Foto: Site Corinthians.
Atacante Vagner Love (44) é o maior goleador do Corinthians no Brasileiro.  Foto:  Site Corinthians.

Ficha técnica de Atlético x Corinthians

Data e horário: 01/11, às 17h.

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG).

Atlético: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Edcarlos e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Luan, Giovanni Augusto e Dátolo; Lucas Pratto. Técnico: Levir Culpi.

Corinthians: Cássio; Edílson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf, Rodriguinho, Jadson e Renato Augusto; Malcom e Vagner Love. Técnico: Tite.

Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC-FIFA).

Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC-FIFA) e Fabrício V. da Silva (GO-FIFA). 

A rodada

As atenções estarão voltadas para o clássico da Arena Independência onde Atlético e Corinthians se enfrentam, mas a 33ª rodada também será importante para as outras equipes que ainda buscam vaga para a Libertadores e a permanência na divisão principal do Futebol brasileiro.

Nos jogos da noite passada, o São Paulo goleou o Sport por 3 a 0. Avai 1 x 1 Cruzeiro. Ponte Preta 1 x 0 Joinvile. Coritiba 1 x 1 Figueirense.

Cruzeiro empata na Ressacada

No apertado duelo entre Avaí e Cruzeiro na Ressacada, em Florianópolis (SC), no sábado, prevaleceu o empate em 1 a 1 entre catarinenses e mineiros.

O resultado aumentou para seis rodadas a sequência sem vitórias do time catarinense, que está ameaçado de rebaixamento. Já o Cruzeiro está praticamente livre desse risco.

Cruzeiro arrancou 1 ponto na Ressacada e enfrentou um gramado em péssimas condições de jogo. Foto: Site CBF.
Cruzeiro arrancou 1 ponto na Ressacada e enfrentou um gramado em péssimas condições de jogo.  Foto:  Site CBF.

Depois de um primeiro tempo em que o Cruzeiro foi um pouco melhor, o Avaí resolveu se impor como mandante na segunda etapa. Logo aos cinco minutos, Rômulo colocou a bola no ângulo do goleiro Fábio para abrir o placar. Quando o domínio era do Avaí, a Raposa aproveitou erro da zaga adversária, e Leandro Damião empatou. O Avaí está na beira da zona de rebaixamento com 35 pontos, enquanto o Cruzeiro, que chegou a 45, está bem mais tranquilo, na 11ª posição.

Um resultado bom para o Avaí foi a derrota do penúltimo colocado Joinville, que tem 30 pontos. O time desperdiçou boas chances na etapa inicial, e foi castigado com o gol de Rodinei para a Ponte Preta, aos nove minutos do segundo tempo. Na sétima colocação, a Macaca tem 50 pontos, três a menos que o São Paulo, primeiro time do G-4.

Rodada fechada

A rodada será completada com mais cinco jogos na tarde deste domingo: Chapecoense x Atlético – PR, Goiás x Internacional, Santos x Palmeiras, Grêmio x Flamengo e Fluminense x Vasco.

Nilton Ramos
Bacharel em Direito; Pós-Graduado em Direito do Trabalho Lato Sensu; humanista e fundador-presidente da ONG CIVAS – BRASIL.

Compartilhar :

Assinar

spot_imgspot_img

Popular

Relacionados
Relacionados

Relator apresenta plano de trabalho da CPI da Braskem

O relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da...

Cartilha ajuda a identificar atrasos no desenvolvimento de crianças

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), em parceria com...