Lama de barragem pode ser usada para construir casas, aponta pesquisa

Date:

Uma pesquisa da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) encontrou uma forma de transformar o lixo de minério que surgiu com o rompimento da barragem em Mariana (MG) em material de construção. Com o material, é possível produzir blocos para alvenaria, para pavimentação e para construção sustentável- que é basicamente rejeito de lama prensado.

O pesquisador da instituição Ricardo Fiorotti explica,que ao tirar a lama das barragens, o impacto ao meio ambiente é menor porque será extraído menos areia, minério, argila e ainda reduz os volumes de sólidos nas barragens de rejeito.

No processo há duas alternativas: uma é captar os rejeitos de forma bruta e aplicar na elaboração de pré-fabricados, como tijolos, blocos de pavimentação urbana, canaletas e postes, e  a outra é separar da lama, a areia, a argila e o minério de ferro, sem a utilização da água.

O empresário que produz os blocos, Claúdio Silva, afirma que essa pode ser uma solução para o problema de Mariana, município de Minas Gerais que sofreu destruições com o rompimento de barragens.

“Se realmente é jogado 400 a 500 toneladas desse resíduo fora no meio ambiente, é possível fazer aproximadamente 40 casas de 40m² a 45m².”

Confira mais na reportagem do Repórter Brasil:

Compartilhar :

Assinar

spot_imgspot_img

Popular

Relacionados
Relacionados

Relator apresenta plano de trabalho da CPI da Braskem

O relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da...

Cartilha ajuda a identificar atrasos no desenvolvimento de crianças

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), em parceria com...